MAIS SOBRE O BLOG ...

O Cordada Infinita é um blog com artigos sobre Escalada, Equipamentos e Notícias relacionadas ao Montanhismo. Nasceu de uma idéia simples: Escrever, Comunicar e Divulgar fatos e opiniões sobre o mundo da montanha. É mantido por Levi Rodrigues desde maio de 2007. Se você tem alguma sugestão sobre um artigo, participe enviando sua pergunta ou opinião sobre os assuntos postados.

Alerta!...

O montanhismo é uma atividade de risco moderado quando praticada de acordo com as normas de segurança. Ao utilizar as informações contidas nesse blog, é necessário experiência e cautela na utilização de equipamentos, técnicas, conceitos e informações sobre as atividades. Lembre se: Acidentes não acontecem. São causados aos poucos

Itatiaia, os 70 anos de um parque proibido.

O primeiro e mais antigo parque nacional do Brasil, o Itatiaia, completou setenta anos na semana passada num evento que reuniu prefeito, montanhistas e entidades ligadas ao parque, onde se discutiu e mostrou novos projetos tanto para a parte alta como para a baixa.

Não vejo nada de positivo nessas comemorações, ou melhor dizendo, há muito tempo sou cético com qualquer intenção do governo e da prefeitura com relação aos parques nacionais, simplesmente, porque o histórico mostra que essas iniciativas sempre acabam com medidas negativas e drásticas, como proibições e normas de pouca ou nenhuma utilidade.

Foto: Jurandir Lima Foto: Gustavo Mansur


Conheço o Itatiaia para lá de 10 anos e sempre tive problemas seja com as áreas de acampamento, com as trilhas fechadas, polêmicas no cadastramento de guias, devastação pelo fogo e mau uso em geral do parque e tudo com a "autorização" da prefeitura, do parque, do governo, do IBAMA e dos demais órgãos ligados a toda essa "burrocracia" que envolve as questões ambientais.

Recentemente houve uma prova do Ecomotion/PRO, dentro do parque, utilizando trilhas que estavam fechadas a muito tempo, com a promessa que depois do evento elas seriam abertas ao público, graças aos acordos que prometiam verbas para investimento na manutenção das trilhas e principais pontos de visitação e também para a infra-estrutura do parque, o fato é que já se passaram mais de seis meses e nada de abertura de trilhas.

Por esse e outros motivos parecidos, o parque é uma grande decepção para muitos montanhistas, que sabem de sua beleza, mas não podem usufrui-lo de maneira legal.

Sei que é muito fácil criticar, estando "de fora", mas convenhamos que essas conversas e promessas de governos, que vão resolver os problemas do parque, que o governo federal vai liberar recursos, que vão deixar as federações do RJ e de SP participarem das discussões, acabam sempre no esquecimento ou na burocracia do IBAMA o que invariavelmente favorece ao exército grandes eventos.

Espero que um dia isso mude, espero que ao chegar à portaria do parque, seja informado que no valor do ingresso, está incluso uma carta topográfica com as principais trilhas mapeadas, com todas as indicações sobre as áreas de acampamento, água, vias de escalada, um pequeno manual com regras de mínimo impacto e de como se comportar com a fauna e flora e principalmente que tenha que assinar um termo de responsabilidade civil, onde se assume o risco por não estar contratando um guia (que hoje é obrigatório), bem como pelos atos cometidos dentro do parque, que podem e devem ser penalizados pela justiça convencional, caso haja algum infração.

Tenho certeza que essas pequenas modificações, trariam pessoas mais responsáveis e que estariam colaborando para a educação ambiental de crianças, jovens, adolescentes e famílias que frequentam o parque, bem como punindo os infratores que tanto danificam o Itatiaia.

Fica aqui o protesto e a critica construtiva de mais um montanhista frustrado, por não poder usufruir de todas as maravilhas que D. Pedro viu ao vislumbrar o primeiro parque do Brasil, o Parque Nacional de Itatiaia/RJ.

1 Comentários:

  1. Vinicius Ribeiro disse...
     

    E apesar dos pesares, o Itatiaia continua alucinante!

Postar um comentário