MAIS SOBRE O BLOG ...

O Cordada Infinita é um blog com artigos sobre Escalada, Equipamentos e Notícias relacionadas ao Montanhismo. Nasceu de uma idéia simples: Escrever, Comunicar e Divulgar fatos e opiniões sobre o mundo da montanha. É mantido por Levi Rodrigues desde maio de 2007. Se você tem alguma sugestão sobre um artigo, participe enviando sua pergunta ou opinião sobre os assuntos postados.

Alerta!...

O montanhismo é uma atividade de risco moderado quando praticada de acordo com as normas de segurança. Ao utilizar as informações contidas nesse blog, é necessário experiência e cautela na utilização de equipamentos, técnicas, conceitos e informações sobre as atividades. Lembre se: Acidentes não acontecem. São causados aos poucos

Esses homens fantásticos e suas tecnologias maravilhosas.

Estou penando um pouco para me achar com todas essas configurações do Blogger, mas daqui a pouquinho eu me acho, ou me encontro, sei lá!!!

Nessas divagações sobre as novidades do mundo virtual, lembrei de um dos clássicos da sessão da tarde, o filme “ Esses homens maravilhosos e suas máquinas voadoras”. Assisti esse filme inúmeras vezes com aquela admiração inocente, sobre os aviões e suas peripécias no ar.

A gente cresce e passa a admirar outras coisas. Uma bela visão de um vale rochoso, depois de 3 dias de caminhada, uma linha fantástica para se escalar naquela parede que vimos na estrada e nesse caso as inovações do mundo virtual.

Desde o Windows Xp não me sinto tão empolgado com tecnologia, como em 2007. Esse ano está sendo fantástico, foram lançados, o Second Life, Windows Vista, IE7, Firefox, WMP11, Office 2007, add para os navegadores, a popularização dos readers, do skype, da Wikipédia e tudo com um diferença fundamental.

Quase tudo de graça (menos o Vista e o Office é claro) ou seja, só não participa desse mundo global quem não quer.

Conceitos como WEb 2.0, direito autoral na internet, e-books, convergência digital e principalmente os mashups, tornam o mundo virtual cada vez mais empolgante.

A pouco tempo, não imaginávamos um Google Earth tão acessível, hoje já nem nos lembramos quando foi a última vez que procuramos uma rua no guia impresso.

O que está acontecendo na internet é uma certa "filosofia" de voluntariado virtual em prol de um "mundo livre" (virtual é claro). Se você parar para conversar com um programador ou mesmo usuário de Linux / Ubuntu, vai se deparar com uma pessoa totalmente entusiasta da linguagem aberta, onde todos os códigos de programação são vistos e com isso todos podem alterar. Os maiores exemplos são a Wikipédia, o próprio Linux e até mesmo o Firefox, um navegador que vem incomodando a Gigantíssima, Mega, Master, Plus, Top, Microsoft - Porém ele é feito por um exército de programadores voluntários que querem se ver livres do domínio da IE.

Esse conceito de linguagem aberta ou código aberto, permite que programadores façam sites ou mashup, plug-in híbridos, onde conteúdo são unificados dependendo da necessidade do usuário ou mesmo permitem que se altere o layout da página ou adicione conteúdo do seu interesse, como as paginas do yahoo e do Google.

Já viram o wikimapia? E o que dirá a união de vários serviços, como o You Tube, Google Earth, RSS, Música e a Wikipédia, RSS ..esse será o futuro. Sites com a participação dos usuários.

Essas idéias mostram como a internet pode e deve ser produtiva sem ser fútil. Sempre ouço os pais dizendo que a internet é perigosa para os filhos, por conta de tanta pornografia, ideologias e assuntos sem aprofundamentos, mas será que eles sentaram na frente do computador e foram pesquisar assuntos com o aprofundamento suficiente para poder dizer que é fútil, será que eles mostraram aos filhos o que ver na internet e o que fazer?

Creio que não, mas essa é uma discussão para outro dia.

Esses dias conversando com minha irmã acabamos nos prolongando em uma conversa sobre internet, tecnologia e depois me peguei filosofando sobre o conceito de web 2.0.

Participar hoje em dia (seja com criticas, opinião, programando..), é mais importante do que meramente ser usuário - por um simples motivo..se você não participar, não terá algo que realmente precisa..

E essa é a principal idéia. Hoje quem faz, somos nós. Os sites disponibilizam a programação e nós a montamos do nosso jeito, veja essa lista com sites 2.0 e depois me digam o que acharam.

1 Comentários:

  1. Vinicius Ribeiro disse...
     

    Hum... mais um montanhista ligado em tecnologia, hein? ;-)

Postar um comentário